09 maio, 2014

{Resenha #21} Persuasão - Jane Austen


Olá a todos!

Depois de meter na cabeça que ia ler toda a obra de Jane Austen, pelo menos caminhei bem e li mais uma: Persuasão.
A obra é póstuma, foi publicada em 1918 (Jane faleu em 1917), mas foi escrita em 1916. 

A minha edição é um combo, que tem Razão e sensibilidade, Orgulho e preconceito e Persuasão. É uma das muitas edições da Martin Claret para esses livros. Orgulho e preconceito eu já li, Razão e sensibilidade ainda não...



A história gira em torno de Anne Elliot, a qual sete anos antes dos eventos narrados no romance, apaixona-se por Frederick Wentworth, inteligente, ambicioso, mas pobre, e é impedida pela família de casar-se com o mesmo. Tal rompimento foi feito sob a interferência da viúva Lady Russell, que não via vantagens no casamento com um homem sem tradições e sem conexões familiares importantes, temendo um futuro incerto para Anne.

Aos vinte e sete anos, Anne reencontra o ex-noivo, agora um oficial da marinha, interessado em outra pessoa. Anne então percebe que ainda o ama e tem de lidar com a convivência num ambiente em que ele se torna frequente e com a possibilidade de ser deixada de lado. O convívio acaba reaproximando os dois e vários fatos se desenrolam até o final do romance.

Famosa por falar tão aberta e sinceramente sobre as imposições sociais de sua época Jane surpreende mais uma vez ao trazer uma mocinha já em idade avançada e ainda solteira (beirando os 30 e solteira naquela época era mesmo desesperador kkkkk). E mais uma que rejeita uma proposta de casamento! 
E pior, é influenciada por terceiros, em detrimento do amor que sente por Frederick. 

Eu não gostei tanto quando orgulho e preconceito, que achei mais divertido. Mas ainda assim gostei e recomendaria a leitura. Anne pode ser considerada a mocinha dos escritos de Jane Austen, que pensa, que é determinada, mas que ainda assim tem regras e etiquetas a cumprir.

Para quem já leu alguma coisa da autora, sabe que nos livros tem muito texto, mais até do que diálogos e ela vai narrando mesmo a história. Eu não curto muito isso, pois acho a leitura cansativa. Mas nesse não, a leitura flui, assim como Orgulho e preconceito. Sei que tem uns filmes, mas ainda não os vi, espero que sejam tão bons quanto o livro.

Bjs


Acompanhe o Uma leitura a mais nas redes sociais:







Formada em Farmácia Hospitalar. Apaixonada por ler e escrever desde sempre. Criou o Blog em 2013 para compartilhar seu amor pelos livros, séries e filmes.

Comente com Blogger
Comente com Facebook
Comente com Google+

6 comentários:

  1. I am really thankful to the owner of this site who has shared this enormous paragraph at here.


    Feel free to visit my website existing piercing

    ResponderExcluir
  2. Eu só li da Jane Austen os livros que fazem parte desse combo. Não tenho como não colocar Orgulho e Preconceito como um dos meus livros super favoritos. E meus sentimentos com Persuasão é mais ou menos igual ao seu, não é tão bom quanto o O&P, mas é amável hehehe. Agora Razão e Sensibilidade é um porre :(.
    Beijos,K.
    Girl Spoiled
    http://girlspoiled.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Karine, pois é, não é mesmo tão bom, mas mesmo assim, é uma fofura! Orgulho e preconceito é demais, não conheço uma pessoa que não tenha lido e amado. Quem não curte é porque ainda não leu kkkkk
      Ainda bem que deixei razão e sensibilidade por último kkkk
      bjs

      Excluir
  3. Oi Renata!
    Eu já li esse livro faz um bom tempo e também gostei! Só que li ele em inglês e o inglês dele é bem complicado... Demorei mais de um mês para ler! Depois desse nem arrisco mais a ler Jane Austen em inglês.

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  4. XENTE, tenho que falar que nunca LI Jane Austen (até o final pelo menos), mas já vi os filmes baseados nas obras e gostei bastante. Adoro os livros da Julia Quinn, acho mais "contemporâneos", mas gostei bastante do que li da Jane. É uma precursora do gÊnero, sem dúvida. :D

    Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom...eu fiquei muito muito tempo apenas "querendo" ler alguma coisa dela, mas depois que eu li Orgulho e preconceito realmente comecei a pensar que preciso ler TODOS!
      A Julia Quinn é a Jane Austen moderna kkkkk, gosto da parte mais leve e divertida dos romances da JQ, quero ler todos dela também....
      bjs

      Excluir

Olá, leitor!
Se você chegou até aqui, fique sabendo que já fiquei feliz!
Se quiser deixe seu comentário que responderei em breve! Se tiver blog saiba que logo logo lhe farei uma visitinha ♥

 
Uma leitura a mais © Todos os direitos reservados :: Design e desenvolvimento por Gabi Melo :: voltar para o topo