20 julho, 2015

{Resenha #77} Quando o passado não passa


Olá, gente! Tudo bem?


Esse mês me propus a ler só livros nacionais, que coloquei como meta lá na Gincana Literária Nacional (Link aqui). Porém a realidade é bem diferente do que pensamos ou programamos, daí só agora eu consegui terminar o primeiro nacional desse mês. Mas vamos em frente!




Esta é uma história de amor, forte e comovente, que nos leva a pensar. Aconteceu no século passado durante a escravidão. Uma família de ricos portugueses emigrou para o Brasil e comprou uma fazenda em Minas Gerais. O amor da loura Maria Luísa pelo negro escravo provocou uma tragédia. A ilusão do poder, os abusos da força fizeram sofrer a todos os envolvidos. O tempo trouxe mudanças, trocou as pessoas e as situações, porém, para eles o passado ainda pesava. Só quando se permitiram olhar além dos preconceitos, ver com os olhos da alma, foi que se libertaram e o peso doloroso do passado realmente passou!



Na verdade, o livro gira praticamente em torno de Rosa Maria, que morara feliz com sua família em Portugal. Lá ela conhece Maria Luísa e ficam muito amigas, tanto que quando Rosa Maria fica praticamente sozinha no mundo ela é convidada pela família de Maria Luísa a vir com eles para o Brasil. Rosa Maria aceita e vê sua vida mudar radicalmente. Uma nova vida, um novo país, um amor! Enquanto ama e é amada por Rodolfo, irmão de sua amiga, ela se vê as voltas com o segredo de Maria Luísa, que se apaixonou por um escravo da fazenda de seu pai, o negro Tobias e está vivendo plenamente esse amor. 


Porém como o pai de Rodolfo já havia planejado seu futuro, não quer que o filho se case com Rosa Maria. Ele arma um plano terrível, que sem querer acaba envolvendo Tobias, que ele nem desconfia ser o grande amor de sua filha. 
Uma teia de mentiras leva todos a mais triste desgraça, inclusive Rosa Maria. Mas ela persiste, persevera e num primeiro momento sua vida é transformada. No começo pela vingança que há em seu coração e após isso, pelo amor e pela necessidade de perdoar.


O livro é bem rápido de se ler. Não é o melhor dos que li do gênero, pois já li outros mais explicadinhos. Mas no geral a leitura é muito boa. Recomendo!

O livro não me pertence, é da minha tia, que adora e tem muitos romances espíritas. Ele me emprestou e já vou pegar outros emprestados.

Bjs e comentem se gostam do gênero ♥ 


Formada em Farmácia Hospitalar. Apaixonada por ler e escrever desde sempre. Criou o Blog em 2013 para compartilhar seu amor pelos livros, séries e filmes.

Comente com Blogger
Comente com Facebook
Comente com Google+

3 comentários:

  1. Oii, Re!
    A história parece ser muito bonita. Gosto muito de livros espíritas, mesmo que eu tenha lido muito poucos. A resenha ficou ótima! Parabéns!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mari, a história é bacana mesmo, como eu falei, já li outros mais emocionantes, mas esse vale a pena ser lido, pois dá para ler rapidinho srsrsrs
      bjs

      Excluir
  2. Já li "Tudo a seu tempo..." da mesma autora e gostei muito. De uma forma geral sempre leio algum livro espírita, eles são ótimos para refletirmos como estamos levando nossa vida e o que está orientando nossas tomada de decisões; ou seja focamos em busca sempre nosso progresso como pessoa, respeitando as diferença e aprendendo a lidar com o que não temos controle.
    Enfim adorei saber que vc gosta desse tipo de leitura. Beijos

    Leituras, vida e paixões!!!!

    ResponderExcluir

Olá, leitor!
Se você chegou até aqui, fique sabendo que já fiquei feliz!
Se quiser deixe seu comentário que responderei em breve! Se tiver blog saiba que logo logo lhe farei uma visitinha ♥

 
Uma leitura a mais © Todos os direitos reservados :: Design e desenvolvimento por Gabi Melo :: voltar para o topo