14 setembro, 2015

{Resenha (?)} John Green não é para mim!


Ou uma tentativa de resenhar O Teorema Katherine


Tudo bem, tudo bem....já comecei a ler meio assim, né? É porque nunca fui muito com a cara desse autor. Mas como ganhei o livro num sorteio, vamos ler, né? Quem sabe era legal??


Enfim....não gostei, achei bobo e me perguntei:

Porque os livros dele fazem tanto sucesso? 

Será mesmo o marketing? 

Será que eu que sou muito chata? 

Ou será que o público-alvo não me incluía?


Após seu mais recente e traumático pé na bunda (o décimo nono de sua ainda jovem vida), todos perpetrados por namoradas de nome Katherine, Colin Singleton resolve cair na estrada. Dirigindo o Rabecão de Satã, com seu caderninho de anotações no bolso e o melhor amigo no carona, o ex-criança prodígio, viciado em anagramas e PhD em levar o fora, descobre sua verdadeira missão: elaborar e comprovar o Teorema Fundamental da Previsibilidade das Katherines, que tornará possível antever, através da linguagem universal da matemática, o desfecho de qualquer relacionamento antes mesmo que as duas pessoas se conheçam. Uma descoberta que vai entrar para a história, vai vingar séculos de injusta vantagem entre Terminantes e Terminados e, enfim, elevará Colin Singleton diretamente ao distinto posto de gênio da humanidade. Também, é claro, vai ajudá-lo a reconquistar sua garota. Ou, pelo menos, é isso o que ele espera.


A sinopse deixa a gente até curiosa, né? Mas como eu disse antes.....ou eu sou mesmo muito chata (e sou) ou não era o público dessa obra do "aclamado" John Green...Não li e provavelmente nunca lerei "A culpa é das estrelas", então não posso nem reclamar do autor com total conhecimento de causa, afinal me parece que esse é apenas o segundo livo dele. 

Eu quase abandonei a leitura pelo meio (o que raramente faço, só se estiver muito ruim) mas insisti para ver onde ia dar....embora já soubesse desde o meio do livro..... Essa história das Katherines e os pés na bunda, a viagem de autoconhecimento, sei lá....nada disso me convenceu e não estou conseguindo nem fazer uma resenha decente para vocês.....



E vocês? Alguém já leu? Gostou?
Me conta aí....

Ah, achei um post bem legal aqui no Just Carol, que resume bem o meu pensamento!

Vou amar!

Formada em Farmácia Hospitalar. Apaixonada por ler e escrever desde sempre. Criou o Blog em 2013 para compartilhar seu amor pelos livros, séries e filmes.

Comente com Blogger
Comente com Facebook
Comente com Google+

12 comentários:

  1. Não se sinta mal tá? Também não consigo achar o John Green aquilo tanto que falam. Li só A Culpa é das Estrelas, mas gostei muito mais do filme e até agora não li mais nada do autor :/
    Beijo
    www.fofocas-literarias.blogspot.pt

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Me sinto até melhor quando encontro alguém que também não curtiu....é porque não acho essa "coca-cola" toda que falam.....
      bjs

      Excluir
  2. Oi Renata,
    Não se sinta mal +1
    Nossa até hoje me arrependo de ter dado trinta reais nesse livro, que protagonista chato.
    A única coisa que salva é o amigo dele.

    A Culpa é das Estrelas eu até curti, mas até hoje não favoritei nada do autor.

    bjs e tenha uma ótima terça.
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não curti nada.....kkkkkkkk, quase abandonei a leitura no meio pois achava que não ia me levar a lugar nenhum, acho que sou uma chata kkkkk
      bjs

      Excluir
  3. Rê menina do céu.

    Sei lá viu. Eu li ACEDE, e amei, amei mesmo, sei lá! Mas não consigo ler mais nada desse homem, não sei o que houve. E acho que você é chata sim, bem chata como eu kkkk, mas prefiro pensar então que o público dele não somos nós rs, mesmo eu tendo gostado como disse de ACEDE. EU não quis nem ler aquele cidades de papel, mas inventei de assistir ao filme, minha nossa que coisa mais chata. Se geralmente eles cortam muitas coisas, mas fazem um esforço de "agitar" o filme para claro vender muito, então penso que o livro deve dar vontade de cometer uma auto tortura kkkk. Mas ainda lerei algo dele, pelo fato de que assim como você também ganhei um livro, mas de presente de uma amiga, ai, é o tal de quem é você Alaska e be, não sei quando, mas um dia o lerei, espero.

    Beijos
    Fer

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fer, só tenho uma coisa a te dizer: somos leitoras muito chatas kkkkkkk

      Excluir
  4. Amiga relaxa já te falei que vc não é a única, apenas é sincera e corajosa.
    Acredito que muitos leitores não gostam do autor mas tem medo de se expor as críticas dos fanáticos. Confesso que diante de tanta divulgação fiquei assustada e ainda não tive coragem de ler nenhum livro dele; sabe quando nenhum tema te acha atenção!!??? Mas minha mãe comprou A Culpa é das estrelas e está insistindo para que eu leia e como preciso ler um sicklit para o desafio dos gêneros irei ler o aclamado livro e tirar Minhas conclusões; mas não pretendo ler nenhum outro livro do autor por enquanto.
    Enfim adorei acompanhar sua tentativa de escrever uma resenha para o livro que não te agradou. Beijos

    Leituras, vida e paixões!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só tentativa mesmo, pois ficou fuém fuém essa "resenha". Mas sempre dá nisso quando tento ler algum livro de algum autor só por ler. JG para mim é puro marketing, mas enfim....

      Excluir
  5. GENTE DO CÉU!! Rê, não A C R E D I T O *O* que voce pode pensar assim desse livro (ESPECIALMENTE) Gente, o melhor de John Green <3

    É o meu favorito, EVER! Melhor que A CULPA.. Tudo bem, tudo bem! GOSTO É GOSTO NÉ??
    Enfim.. Não vejo dá forma como voce colocou (mal) "BOBO" ? Sim, talvez.. Mas provavelmente voce tbm não deve ser o tipo de pessoa que morreria de rir em um show de stand-up né? Tem um público pra quem são direcionados. E infelizmente não é gosto de todos (viva ás diferenças, afinal..)

    Mas, pra mim, confesso! É justamente o que te fez DESGOSTAR da forma como JOHN escreve que me faz AMAR ELE COMO o topo da minha lista de 3 autores favoritos (JOHN GREEN, MEG CABOT, KHALED HOSSEINI) O John é único no jeito que escreve, tem um estilo que não se compara a muitos. Gosto da forma como ele encara as coisas ''bobas'' da vida de forma bem-humorada! Oque em geral, é levado positivamente diante de situação dificeis da vida que cada um de nós ás vezes experimentamos. Seja uma doença terminal como HAZEL e GUS de A culpa.. Ou O FIM DE UM RELACIONAMENTO, onde um dos dois era totalmente submisso ao outro (como era com o Colin) Amo o humor do John, porque é INTELIGENTE, SAGAZ, ao mesmo tempo.. As entrelinhas estão sempre cheias de sacadas que voce tem que se ligar (super dicas!), ABRIR A MENTE DE ALGUMA FORMA..Sem falar que ele tem aquele jeito de PROFESSOR que te faz amar as aulas (já teve um professor assim?) Daqueles que nem te dá preguiça de levantar cedo naquele dia porque voce sabe que vai ter aula dele, e ele é aimigão de todo mundo.. Não é um professor chato que só chega e te pede pra abrir um livro e copia mil coisas num quadro sem nem olhar pra sala adiante dele (como quem tá de CÚ* com a vida).

    BOM ESPERO QUE TENHA ENTENDIDO A MINHA METÁFORA do professor!
    até nos videos que ele grava pro youtube, dá pra perceber como ele é
    (não sei se voce já viu, ou se sabe Inglês pra acompanhar o canal dele, mas deixo o link aqui em baixo pra voce dar uma conferida)

    CANAL DO JOHN: https://www.youtube.com/user/vlogbrothers

    Beijos, Amada!
    Yasmim
    http://www.yasmimsramos.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkk, quando li pensei....essa aí é fã mesmo kkkkk, quase me convenceu!
      Com certeza ele tem um estilo de escrita muito próprio e provavelmente é isso que cativa os leitores deles. Eu já comecei a ler com um meio pé atrás, pois me parece que o público dele é bem jovem (não que eu seja velha, kkkkkk......35 quase, mas um pouco mais velha que esse público-leitor dele).
      Com certeza "viva as diferenças"...que bom que vc gostou, eu não...e que bom que então podermos discutir civilizadamente sobre o assunto, adoro isso! Respeitar a opinião dos outros, todo bom leitor deveria experimentar isso algum dia.
      Eu sei do canal dele no you tube, e do carisma e conexão que ele tem com os jovens....só fiquei triste de não ter me "conectado" também.
      Quem sabe lendo outro livro (Meg Cabot é outra, ainda vou acertar um livro ela...todos os que li achei bobos kkkkkkkk - muito chata eu, né?)
      Mas eu sou mesmo muito chata com esses autores "da modinha", que todo mundo baba ovo. Por exemplo, vc sabe claramente porque gosta dos livros e da escrita dele, mas tem gente que diz simplesmente "ah, eu amo o JG" ....E? Entende o meu ponto de vista?
      Lerei mais algum para tirar a prova
      bj bj bj

      Excluir
  6. Oii

    Bem vinda ao clube!! Fiz ontem mesmo uma BookTag no meu blog e escolhi justamente ele como o "autor que não me convence" e exatamente um de seus livros (Cidades de papel) como um dos livros populares que não gostei!!
    Antes de ter o meu blog, eu colaborei com um outro blog e fiz um post comentando minha dificuldade com certos autores e no meio do post eu disse que estava fugindo de autores "modinha" e caí na besteira de citar o John Green como exemplo do "modinha" (isso foi logo na época do A Culpa é das Estrelas). Menina, quando eu fui ver os comentários no blog que eu colaborava quase cai pra trás!!! Tinha gente que se revoltou comigo!!! Fiquei assustada e nem falei mais do autor. Aí agora comecei meu próprio blog e eis que me indicaram justamente para uma BookTag sobre Opiniões Impopulares e eu novamente arrisco minha cabeça citando ele.
    Não dá Renata, eu já pensei várias vezes que o problema era comigo. Todo mundo ama e só eu que não!! Fala sério!! Mas sabe de uma coisa, navegando amis e mais pela blogosfera eu acabo encontrando muitos blogueiros que compartilham a mesma opinião, como vc. Adoraria sua tentativa de fazer a resenha e fico orgulhosa pela sua força de vontade em terminar o livro (eu não consegui e larguei dois livros dele na metade!!).

    Beijokas e muito sucesso

    naprateleiradealice.blogspot.com.ar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, que chato.....e fico mega power chateada quanto abandono uma leitura, mas as vezes acontece srsrsrsrs. Mas vc falou tudo, por aí pela net tem muita gente que também não curte as histórias dele.
      Bjs

      Excluir

Olá, leitor!
Se você chegou até aqui, fique sabendo que já fiquei feliz!
Se quiser deixe seu comentário que responderei em breve! Se tiver blog saiba que logo logo lhe farei uma visitinha ♥

 
Uma leitura a mais © Todos os direitos reservados :: Design e desenvolvimento por Gabi Melo :: voltar para o topo