10 fevereiro, 2017

{Resenha #166} Os pássaros - Frank Baker (Darkside Books)


Gente, é sério....primeiro livro da Darkside que não curto tanto...Adoro o filme Os pássaros, do aclamado diretor Alfred Hitchcock, então imaginem que fiquei super empolgada para ler o livro. Uma edição especial dessas, lançada no aniversário de 80 anos da primeira edição. Mas ao começar a ler (ano passado ainda) eu achei tão lento e arrastado que quase abandonei a leitura...por duas vezes....tanto é que parei e só terminei agora, pois estou tentando terminar as pendências de 2016...alguns livros que comecei e por algum motivo parei e não consegui terminar....


Pássaros. Milhares, talvez milhões, sobrevoam Londres, de forma aparentemente inexplicável e sem sentido, onde parecem observar os habitantes da capital, que os consideram divertidos, se tanto um pouco estranhos. Enquanto as pessoas ainda tentavam entender o que faziam ali, eles começam a atacar, ferindo e até mesmo matando com tremenda brutalidade e violência.

Quando eu não curto muito uma leitura costumo dizer que não era o meu momento com ela....As vezes o que não me agradou pode agradar ou empolgar outros leitores. Por isso que é tão bom termos opiniões diferentes sobre as nossas leituras!

  
Uma coisa me deixa intrigada em algumas das publicações da querida Darkside. Alguns diálogos com aspas " " e muitas vezes no meio do texto. Digo isso pois confesso a vocês que me entedia em algumas leituras, não todas, claro...Os parágrafos acabam ficando longos demais e me distrai, tirando meu foco...
Fato: todo livro assim eu tenho uma leve tendência a fica entediada....talvez tenha sido isso que aconteceu com esse livro, em especial onde a história não estava me prendendo, sorry!


É estranho como, em momentos de grande estresse, o mais insignificante dos objetos, por meio de seu próprio estado imperturbável, pode nos trazer de volta a realidade da existência.

Profundo, não?

A história é narrada em primeira pessoa por um dos sobreviventes do ataque mortal. Segundo os releases o romance traça um panorama ao mesmo tempo irônico e crítico ao capitalismo e às sociedades ocidentais, que ainda se recuperavam da Primeira Guerra e da crise econômica iniciada com o Crash da Bolsa de Nova York, em 1929, mas seguiam cometendo barbaridades, em nome da civilização, em lugares como a África

Talvez seja isso que não tenha me "prendido", eu infelizmente não consegui traçar nenhum desses panoramas, acho que não sou tão letrada para isso...srsrsrsrs..... Na minha cabeça eram apenas pássaros estranhos querendo destruir tudo que viam pela frente!!!!!!

Não sei....mas outro livro que li e que por acaso também foi uma obra adaptada por Hitchcok foi o Psicose....Mas como esse eu não tinha visto o filme ainda eu sofri um impacto muito grande com a leitura, foi incrível....Talvez se eu não tivesse visto o filme antes (que foi inspirado na história do livro).

Divagações filosóficas à parte, a edição está um LUXO só. Daquele jeito que só a Darkside consegue fazer, capa dura, com fitinha preta marcadora ♥. O comecinho dos capítulos tá assim ó:

   
E olha só o mimo que veio com o livro! Uma pena ahahahahah.....ai que MEDO!
  



Formada em Farmácia Hospitalar. Apaixonada por ler e escrever desde sempre. Criou o Blog em 2013 para compartilhar seu amor pelos livros, séries e filmes.

Comente com Blogger
Comente com Facebook
Comente com Google+

0 comentários:

Postar um comentário

Olá, leitor!
Se você chegou até aqui, fique sabendo que já fiquei feliz!
Se quiser deixe seu comentário que responderei em breve! Se tiver blog saiba que logo logo lhe farei uma visitinha ♥

 
Uma leitura a mais © Todos os direitos reservados :: Design e desenvolvimento por Gabi Melo :: voltar para o topo