[Resenha]: Se eu fosse um anjo, cairia por você — de B. Pellizer

Eu baixei esse e-book gratuitamente. A propósito, já tive uma boa experiência com um dos textos da autora (para conferir a resenha, clique AQUI). E por tal motivo, não hesitei ao ingressar nessa aventura. Agora convido a todos para conferir a sinopse e o que eu achei de "Se eu fosse um anjo, cairia por você", obra da autora B. Pellizer, uma publicação da editora Raredes

Sinopse: Condenado a passar mil anos sobre a Terra por ter traficado Sangue Santo dentro do Inferno, o demônio Remoir tenta vencer a fome de seus últimos anos de exílio, quando vê, diante de uma igreja, uma moça miúda cujos cabelos tinham a mesma cor dos olhos. Encantado com a visão da moça chamada Geórgia, Remoir foge daquele lugar do planeta a fim de conter seus pensamentos embaraçosamente românticos e deixa seu Supervisor tomar conhecimento de seus pensamentos inadequados. Assim Remoir foi apresentado ao seu segundo inferno: o inferno pessoal nascido de seu desejo pessoal e incontrolável de ficar perto daquela humana, e de sua necessidade de protegê-la do diabo ou de Deus, ao mesmo tempo que disputa a posse de sua alma.

"Porque há males que vem para o mal..." 

Uma trama instigante!

Remoir é um demônio que se alimenta do sangue dos condenados. Dentre a hierarquia do inferno, ele é renascido na Classe B, podendo, assim, ganhar uma nova e terrível forma. Em sua existência se atenta para não consumir Sangue Santo, pois com isso pode tornar-se um ser "do bem".

Eu nunca provara Sangue Santo, mas ao me ver encantado pelos olhos daquela menina perdida à entrada de uma igreja, perguntei-me se, por acaso, eu não teria me intoxicado involuntariamente por um pouco dele. (Livro: Se eu fosse um anjo, cairia por você - de B. Pellizer)




O que Remoir não contava é que ficaria de frente com Geórgia, a menina por quem se interessou e que estava no inferno, pedindo por danação, afinal, ela fora influenciada a fazer coisas terríveis por outro demônio, chamado Natuel. 


Poderia ser o melhor momento da minha vida, eu poderia estar me descobrindo em todo meu esplendor demoníaco, ao invés disso, estava sem qualquer controle sobre meu ser, temendo de desejo e amor por uma humana amarga. (Livro: Se eu fosse um anjo, cairia por você - de B. Pellizer)


A fim de se proteger de tal sentimento, Remoir passa um século e meio na terra, alimentando-se dos condenados e tentando distanciar-se daquela que lhe despertou o interesse. Contudo, ele teve que retornar ao inferno.


— Se eu fosse um anjo, Geórgia, eu cairia só para poder ficar perto de ti, mas assim, como sou, não sei como te ajudar, não sei como te tirar daqui, não sei como arrancar a culpa de dentro de teu coração. — Segurei o rosto pequeno de meu grande amor. — Por enquanto, só o que posso fazer, é garantir que ninguém tocará em ti. (Livro: Se eu fosse um anjo, cairia por você - de B. Pellizer)

Agora cesso os comentários para não soltar mais spoilers.

Antes de qualquer coisa, digo: "Perdoe-me, senhor!... Eu tenho um fraco por vilões!!!" E com esse livro não foi diferente, pois caí de amores por Remoir. Trata-se de um romance sobrenatural que, para alguns, pode parecer uma blasfêmia, mas que, em verdade, é uma história contagiante (P.S.: Mantenham a cabeça aberta para a leitura, amores - hahaha).

SE EU FOSSE UM ANJO, CAIRIA POR VOCÊ carrega consigo um tom hilário, apresentando ao leitor as faces de um demônio e seu  digamos assim  amor proibido. O improvável se torna provável, e isso faz da história ainda mais interessante. O bem e o mal nos envolve aos poucos, em doses homeopáticas. Não há como dizer mais sem soltar spoilers, o que posso afirmar é que a criatividade e escrita da autora é entorpecente e diferente do livro DUAS VIDAS, o texto está mais enxuto, e por isso, a meu ver, mais deleitoso. Os capítulos finais, em especial, tecem uma atratividade maior, em uma das cenas lembrei-me de um filme que amo muito, ou seja, Cidade dos Anjos  e o final é perfeito, deixando um gostinho de quero "bem mais" (espero que a autora faça isso). Por fim, para quem curte uma pegada sobrenatural, com um quê de romance, és uma excelente pedida.

A trama é narrada em primeira pessoa, com narrativa um pouco rebuscada, porém de fácil compreensão; a diagramação está boa, no padrão digital; e a capa, tal quanto o título, é atrativa e sedutora, mostrando o mal, ou melhor, Remoir, em sua mais pura essência.



Livro: Se eu fosse um anjo, cairia por você
Autora: B. Pellizer
Gênero: Romance/Sobrenatural
Editora: Raredes
Ano: 2017
Páginas: 185


Abraços literários,
Simone Pesci
http://simonepesci.blogspot.com/

Nenhum comentário

Olá, leitor!
Se você chegou até aqui, fique sabendo que já fiquei feliz!
Se quiser deixe seu comentário que responderei em breve! Se tiver blog saiba que logo logo lhe farei uma visitinha ♥