#BingoLitNegra - Mês da Consciência Negra

 

Descobri por acaso no Twitter sobre o #BingoLitNegra. Alguém sabe que esse evento existia? - Eu não sabia!

Como em 20 de novembro se comemora o dia da Consciência Negra (Zumbi dos Palmares, quem estudou na escola aí?), Solange Chioro criou o #BingoLitNegra, com o intuito de promover a leitura de atores negros, com histórias protagonizadas por pessoas negras.

Eu descobri o evento no Resistência Afroliterária, que  irá sediar o Bingo! Bingo parece um negócio de vó, né?

Acho que a gente não devia escolher um livro pela cor da pele do autor, ou do protagonista. Mas a gente sabe que não é assim que funciona, né? Leiam esse post aqui e entendam a reflexão. Foi por isso que eu achei a ideia super bacana. Não sabia do evento e adoro conhecer coisas novas.
Este ano, o #BingoLitNegra é apoiado pelas editoras: Companhia das Letras, Darkside Books, Dublinense, Globo Livros, HarperCollins, Intrínseca, Pallas, Record e Todavia

Já fiquei pensando em qual linha escolher!

Já ia ler Hibisco Roxo da Chimamanda, numa leitura conjunta do Literature-se. Daí fiquei pensando que nunca li nada da Conceição Evaristo! E tenho aqui na estante o "Porque o pássaro canta na gaiola" da Maya Angelou.

E aproveitando o embalo de ler mais autores negros, vou falar num post com mais detalhes explicando, mas esse mês de outubro comecei a participar de uma assinatura no Catarse chamado de Clube Caixa Preta, justamente com o resgate de contos escritos por autores negros. Não é demais?

Algum dia a cor de nossas peles não vai importar, mas enquanto esse dia não chega essas ações tentam promover mais igualdade!

Nenhum comentário

Olá, leitor!
Se você chegou até aqui, fique sabendo que já fiquei feliz!
Se quiser deixe seu comentário que responderei em breve! Se tiver blog saiba que logo logo lhe farei uma visitinha ♥