A questão da polêmica rasa de um you tuber aí que nem vale mencionar o nome

 

Olá, pessoas, tudo bem? Tive que vir aqui dar minha humilde opinião sobre uma "treta" que tá rolando sei lá aonde.....Na verdade sei sim...no Twitter. A maioria das tretas começa lá, onde parece que só tem gente a toa....

Agora Felipe Neto é entendedor de Educação? De livros clássicos? Gente, pelo amor de Deus, quem é Felipe Neto na fila do pão para falar (bem ou mal) de Machado de Assis ou Álvares de Azevedo???? Ou qualquer outro autor, seja ele clássico ou não? E o povo ainda dá trela marcando ele em vários posts e tuítes e coisas do tipo. Ele só fez se promover, como sempre fez. E como fez no assunto LGTB na Bienal, como bem me lembrou uma amiga das letras no instagram.

Vou deixar aqui alguns links de umas matérias que saíram nos jornais on line depois da falação toda. Apesar de achar que o debate é válido  sim (óbvio, que não vindo dele) só fico chateada porque pelo amor de Deus, né? Vamos debater com um pouco menos de superficialidade...Ele simplesmente jogou a opinião dele no vento e se virem e lutem por aí...

A situação da Educação no país já é tão precária, está tão precária...vide o Enem 2020 e todas as suas polêmicas que acho um desserviço ele, Felipe Neto falar do que não é "seu lugar de fala".

Adolescentes então não devem ler "certos autores"? O que é chato para mim pode não ser chato para você amigo...Tanta matéria chata que dá na escola, que toda pessoa já se perguntou na vida porque tem que estudar aquilo. E Literatura é uma disciplina como outra qualquer que cabe ao professor tentar dar a aula da melhora maneira que pode. É a tal da Didática, que a Bruna Martiolli fala tanto no canal dela (aliás, sigam, vale muito a pena).

Eu sempre ODIEI física e matemática. Para que precisamos disso afinal? Então não deveria ser dado na escola, pois os adolescentes não vão criar ranço por Física, Matemática?...

Muita coisa precisa ser mudada na Educação sim! Um argumento compartilhado por muitos era que a discussão deveria ser sobre qual seria a forma ideal de apresentar livros fundamentais da nossa cultura para os jovens. Super válido né? Apresentar um problema e possíveis soluções para o mesmo. Não simplesmente "dar uma opinião" vazia de qualquer pesquisa básica que seja.

Eu pelo menos estudei Português e Literatura em vários contextos na época da escola. Aprender sobre esses autores do passado vem agregado de estudos de história do mundo e história do próprio país, o que nasceu aqui, o que foi inspirado em outros, como nossa cultura nacional e mundial nasceu e por aí vai...Mas quem quer apenas visualizações na internet não consegue ia além desse básico que eu comentei aqui. 

Links de algumas matérias:  

Jovem Pan

Jornal O Dia

Yahoo




Nenhum comentário

Olá, leitor!
Se você chegou até aqui, fique sabendo que já fiquei feliz!
Se quiser deixe seu comentário que responderei em breve! Se tiver blog saiba que logo logo lhe farei uma visitinha ♥